terça-feira, 16 de março de 2021

Queiroga reforça uso de máscara, exalta SUS e diz que imprensa é ‘aliada’


Recém-nomeado ministro da Saúde, o médico cardiologista Marcelo Queiroga reforçou hoje a importância de medidas preventivas para conter o avanço da pandemia no Brasil, pedindo à população que use máscara e higienize sempre as mãos. Ele também definiu a imprensa como “grande aliada” no combate à covid-19, exaltou o SUS (Sistema Único de Saúde) e a ciência e disse esperar construir um futuro melhor para a saúde pública.

“[Quero] Conclamar à população para que use máscara, são medidas simples. Lave as mãos, use álcool em gel… Eu estou repetindo, mas todos vocês sabem disso. Com essas medidas, podemos evitar ter que parar a economia do país”, afirmou Queiroga em pronunciamento, junto ao agora ex-ministro Eduardo Pazuello.

Médico há 30 anos, o futuro novo ministro se referiu à covid-19 como um “desafio” — não apenas para o cargo que vai ocupar, mas para toda a população. Ele disse saber da responsabilidade que tem, mas admitiu que não fará nada sozinho, reforçando o pedido de ajuda brasileiros para “ter os resultados mais desejáveis no enfrentamento da pandemia e nas outras situações de saúde pública que afetam nossa sociedade”.


Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only