quarta-feira, 24 de fevereiro de 2021

Com aumento da produção de vacina, secretário de Saúde da Paraíba acredita imunizar todos os grupos prioritários até maio


Com o aumento da produção diária de vacinas Coronavac e Asatrazeneca, pelos institutos no Brasil, o secretário de Saúde da Paraíba (SES-PB), Geraldo Medeiros, acredita imunizar todos os grupos prioritários até o mês de maio deste ano. Segundo revelou, há uma programação para a chegada de novos lotes dessas duas vacinas produzidas no País, em março.

“Com a previsão da produção própria do Instituto Butantan, de 600 mil doses diárias, e do Instituto Bio-Manguinhos da Fiocruz, de 600 mil diárias, nós teremos um envio mais célere e um quantitativo maior de vacinas, permitindo que nós tenhamos a previsão de vacinar até o final de maio, todos os grupos prioritários”, revelou o secretário.

A Paraíba já aplicou 128.974 doses, incluindo algumas pessoas já com a segunda dose, conforme dados do Ministério da Saúde, apurados pelo ClickPB. Isso coloca o Estado na 14ª posição no ranking das unidades federativas do Brasil.

Até o momento, o Estado recebeu 223.680 doses. Do total, 187.680 Coronavac e 36 mil Astrazeneca. As duas necessitam de duas aplicações, cada um com intervalos diferenciados, sendo a primeira com até 28 dias e a segunda, até quatro meses. A previsão é que chegue 39.500 da Astrazeneca, às 17h desta quarta-feira (24).

Aline Martins – ClickPB

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only